Fique ligado!! Projeto OURUA oferece oficinas artísticas em Maragogipe

A fim de contribuir com o desenvolvimento humano e cultural no Recôncavo Baiano a Casa de Barro abriu inscrições para o município de Maragogipe, no dia 27 de janeiro para o projeto Ourua - Cultura, Arte, Educação. O projeto já foi executado em Cachoeira e São Félix

A abertura do projeto acontece numa sexta-feira, dia 07 de fevereiro, às 19:00 horas, na Praça Conselheiro Antônio Rebouças. A programação conta com a apresentação do grupo "Samba Maragogó” e do espetáculo teatral “Canastra Real”.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas na Casa da Cultura de Maragogipe ou pelo site www.casadebarro.org. As Oficinas estão distribuídas de acordo com o público, tendo: Teatro para Iniciantes, Contação de Histórias e Dedinho de Prosa, Cadinho de Memória para infância e juventude; Arte Educação e Educação Patrimonial e Formação em Cultura Afro e Indígena, e para educadores.

OURUA trata de uma tribo africana que era rica e se destacava dentre as demais pela sua arte e cultura. Numa analogia a esta “tribo do desenvolvimento”, esta iniciativa atuará com diversas ações tendo a formação e fruição artístico-cultural como instrumentos de transformação social. Serão desenvolvidas formações, oficinas de arte e cultura, além de uma programação artística periódica nas comunidades de Cachoeira, Maragogipe e São Félix. Ao final será publicado um livro de socialização da experiência e reflexão da cultura, da arte e da educação como potenciais para a promoção do desenvolvimento de territórios. O público alvo são crianças, adolescentes, educadores (formais e não formais) e a comunidade em geral.


Comentários