Provocações 003: Precisamos promover um UP na política e nos políticos da Grande Maragogipe

O leitor deste blog Ailton Apolônio nos enviou este texto para provocar um pouco mais os leitores deste portal. 


Por Ailton Apolônio

QUE SAUDADE DO MEU AVÔ, ELEITOR MARAGOGIPANO, ANTONIO PATROCÍNIO .

Se a metade dos eleitores da Grande Maragogipe tivesse a mentalidade política de Antonio Patrocínio, com certeza, a maioria desses Prefeitos Maragogipanos não seria eleito nas últimas eleições. Para determinar o candidato a ser votado, as pessoas precisam avaliar seus planos e projetos exequíveis para a melhoria do município. Devemos ter o cuidado de diferenciar uma promessa de um projeto exequível.

A preparação da população para o voto justo e incorruptível é uma boa maneira de diminuir a quantidade de pessoas subornadas e compradas ilegalmente.

É importante que o voto seja realizado a partir da satisfação do eleitor no candidato e nas possibilidades de melhoria, pois o voto não deve ser visto como uma troca de favores. Quando o eleitor vota e ganha com isso dinheiro, cesta básica, brinquedos, asfalto, calçamento, condução grátis e outras coisas.

Somente com movimentos civis organizados, onde se reúna todos os membros das sociedades, exigir mudanças profundas, se for preciso, fazer até desobediência civil. Aí sim, poderemos mudar o comportamento do eleitor maragogipano.

Sem a mobilização da sociedade fica difícil. Os políticos fazem o que querem e ninguém se incomoda.

O meu avô já dizia: - "De que adianta leis mais duras? A impunidade corre solta! A Lei existe e é suficiente. O que é insuficiente é o sistema eleitoral."

Para mudar o Brasil eu acredito na mudança do código eleitoral brasileiro.

Os Políticos de Maragogipe mudam de Partido como o camaleão muda de cor. Não existe fidelidade partidária, imagine fidelidade ao eleitor! Fica difícil...

Vereadores, Deputados, Senadores, voto distrital neles! O candidato tem que morar e ser conhecido pelos eleitores do lugar. Dois Vereadores para cada bairro, um deputado estadual para cada região administrativa, um deputado federal para cada milhão de habitantes.

Outra coisa é o salário do político... ele não tem que ganhar mais para ser político. Ele tem que ganhar no máximo uns 40% a mais do que ele já declara como rendimento (no máximo)... Ter alguma ajuda de custo para viagens, moradia.

Ser político não é ser magnata.

É estar realmente interessado em resolver os problemas da comunidade em que ele está domiciliado e não resolver seus próprios problemas financeiros...

Nada de comitês e equipes, ganhando salários altos sem trabalhar... remuneração arbitrada e votada pelo povo, plebiscito para votar salário. Internet como local de discussão de ideias e de propostas de leis e orçamentos...

Gestão e orçamentos participativos para tudo, cargos em prefeituras eleitos pelos funcionários concursados, chega de cargos de confiança...

As mudanças em Maragogipe tem que começar por nós mesmos, pois uma sociedade mais justa só muda se as pessoas que à compõem auto se mudar.

Não adianta ficar só criticando a gestão da Prefeita Vera Lucia, nós a colocamos lá. Agora temos que cobrar para que ela faça uma gestão voltada para o bem estar social de toda população da Grande Maragogipe. Ela ainda pode fazer um bom trabalho até o final do mandato.

Existe recursos para beneficiar toda população da Grande Maragogipe. Depende da maneira como esses recursos são geridos e fiscalizados pelos Vereadores.

Precisamos de políticas públicas voltadas para o social. Cadê os Vereadores?

Precisamos promover urgente um UP na política e nos políticos da Grande Maragogipe

Comentários