Lançamento oficial do projeto CO2 Manguezal foi um sucesso. É hora de trabalhar ainda mais!


Neste dia 13 de fevereiro de 2014, aconteceu no Bairro da Comissão, em Maragogipe, o lançamento oficial do Projeto CO2 Manguezal que tem como responsáveis: a Fundação Vovó do Mangue e a Petrobras, através do Programa Petrobras Ambiental. "É hora de trabalhar ainda mais", esta é a vontade dos membros da Fundação Vovó do Mangue que conseguiu dois projetos aprovados pela Petrobras, o CO2 Manguezal e o projeto Garotada.


No momento da apresentação do projeto, a mesa foi composta pelo presidente da Fundação Vovó do Mangue - Marcos Costa dos Santos (foto acima) que agradeceu a presença de todos na ocasião e afirmou a sua vontade de continuar trabalhando pela existência deste e de outros projetos. A representante da Petrobras - Ana Balogh (foto abaixo) estava muito feliz com o andamento do projeto em Maragogipe e São Francisco do Conde.

Ainda estavam presentes na mesa o Deputado Federal Luiz Alberto, o representante da prefeitura de Maragogipe - Edval Jorge, a representante da Prefeitura de São Francisco do Conde - Angélica Santos da Paixão, o representante do ICMBio - Hélio, a representante da Associação de Pescadores e Marisqueiras dos bairros da Comissão e Baixinha - Gildete Fialho, o representante da UFRB - Marcelo Freitas, e o gerente da setorial nordeste da Petrobras - Adoniran.


O evento apresentou para a comunidade as principais metas do projeto, e contou com um buffet realizado pela primeira turma de marisqueiras (foto abaixo) formada através da oficina de manipulação de alimentos, fruto da parceria firmada com o Programa Conexão da Rede Cidadã, esta iniciativa servirá também para atender aos visitantes do projeto, contribuindo para a promoção da sustentabilidade da comunidade local.


Neste ano de 2013, o projeto também iniciou com a etapa formação de agentes multiplicadores. O projeto tem como meta formar 200 agentes multiplicadores até a sua conclusão e, neste dia 13, também em parceria com o Programa Conexão da Rede Cidadã, 80 jovens receberam o certificado de conclusão do curso de Agente multiplicador da preservação e conscientização ambiental. (foto abaixo)


Veja mais imagens no Blog do Zevaldo Sousa - CO2 Manguezal


O PROJETO:
Com mais de 15 anos de atuação nas áreas de meio ambiente, desenvolvimento social, cultura e educação, a Fundação Vovó do Mangue tomou para si um desafio gigantesco, criando o Projeto CO2 MANGUEZAL, patrocinado pela Petrobras através do Programa Petrobras Ambiental, que tem como meta principal a recuperação de 8 hectares de áreas degradadas de mangue na Baía de Todos os Santos (BTS), estado da Bahia, sendo 4,5 hectares no município de Maragogipe e 3,5 em São Francisco do Conde, devido a degradação em seus manguezais. O projeto prevê a produção e reflorestamento de 65 mil mudas de manguezal das três espécies mais encontradas na região da BTS (Mangue vermelho, Mangue siriúba e Mangue branco) e a capacitação de 500 pescadores e marisqueiras, sendo 400 em Maragogipe e 100 em São Francisco do Conde com objetivo de orientá-los na política socioambiental.

Equipe do projeto CO2 Manguezal
O Programa Petrobras Ambiental confirma o compromisso da Petrobras em contribuir para a implementação do desenvolvimento sustentável, estratégia que se evidencia no enfoque integrado dos processos produtivos e do meio ambiente. Por meio de sua política de patrocínio ambiental, a Petrobras investe em iniciativas que visam à proteção ambiental e à difusão da consciência ecológica.

Saiba mais informações nos sites:

É importante ressaltar que a Fundação Vovó do Mangue busca consolidar suas bases nos parâmetros de preservação e manutenção dos recursos naturais, com respeito ao ser humano; promoção da participação comunitária no desenvolvimento das suas ações; formação de lideres da causa ambiental; estímulo à formação de redes de relacionamento e de trabalho e a busca para o desenvolvimento sustentável. Com isso, o projeto prevê a promoção da educação para a conservação dos recursos naturais, envolvendo a realização de cursos e palestras, trabalhos práticos, publicação de informativos e cartilhas educativas para a formação de 200 agentes multiplicadores e mais de 2000 estudantes do ensino fundamental, além do trabalho de sensibilização com conteúdo socioambiental com a capacitação de 10 pessoas das comunidades adjacentes para atuar nas áreas a serem recuperadas.

A Fundação Vovó do Mangue firmou parcerias com a UFRB, através de Programa de Estágio, com vistas na realização de estudos e análises aprofundadas do perfil estrutural dessas áreas; com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio – Unidade de Maragogipe), Conselhos Gestores da APA Baía de Todos os Santos e da Reserva Extrativista Marinha Baía do Iguape RESEX, além das Prefeituras e Colônias de Pescadores de Maragogipe e São Francisco do Conde, e Associação de Pescadores e Marisqueiras dos bairros da Comissão e Baixinha.


Comentários