Famílias maragogipanas são beneficiadas com Programa Bolsa Verde


Na manhã desta quarta (23), famílias beneficiadas com o Programa Bolsa Verde, do Governo Federal, assinaram o Termo de Adesão após palestra na Escola Municipalizada Heráclio Paraguaçu Guerreiro, no bairro da Boiada. O Termo especifica as atividades de conservação a serem desenvolvidas pelo beneficiário.

O Programa Bolsa Verde faz parte do Plano Brasil sem Miséria e seu nome oficial é Programa de Apoio à Conservação Ambiental. O Programa é coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) e possui vários parceiros.

De acordo com o gestor do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBIO) em Maragogipe, Sérgio Freitas, os objetivos do Programa são incentivar a conservação dos ecossistemas, entendida como sua manutenção e uso sustentável; promover a cidadania; melhorar as condições de vida e elevar a renda da população beneficiária; além de incentivar a participação dos beneficiários em ações de capacitação ambiental, social, educacional, técnica e profissional.

Para participar do Programa, a família deverá encontrar-se em situação de extrema pobreza, com renda per capita mensal equivalente a até R$ 70; estar inscrita no Cadastro Único. Além disso, os pescadores e marisqueiras cadastrados devem desenvolver atividades na Reserva Extrativista Baía do Iguape.

O Programa Bolsa Verde efetua repasses trimestrais no valor de R$ 300, por meio do cartão do Bolsa Família, durante o prazo de até dois anos. Este prazo poderá ser renovado. O pagamento do benefício seguirá o calendário de pagamentos do Programa Bolsa Família. Os beneficiários do Bolsa Verde que também são inscritos no Bolsa Família receberão os benefícios de forma conjunta.

Assinaram o Termo de Adesão ao Programa, famílias dos bairros do Alto do Sacramento, Alto do Japão, Alto do Cruzeiro, Av. Oceânica, Porto Grande e Porto Pequeno, Caijá, Cabaceiras e Pedrinhas. Uma nova data será marcada para beneficiários de outras comunidades realizarem a adesão.

Também estiveram presentes na assinatura do Termo o gerente de Pesca da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca, Bartolomeu Dias e o coordenador da Rede Prover, empresa licitada para repasse do benefício, Nilton Cortes.

Fonte: Ascom / Maragogipe

Comentários