Trabalhadores da Enseada do Paraguaçu entram em greve por tempo indeterminado


Na manhã de quarta-feira, dia 02 de abril, os trabalhadores da Enseada do Paraguaçu (EEP), após realização de assembleia pelo Sintepav Bahia, decidiram por unanimidade entrar em greve por tempo indeterminado, devido a diversas reivindicações. A greve que teve início durante a realização da 3ª Conferência Regional da ICM, realizada do dia 31 a 02 de abril no Hotel Pestana em Salvador contou com o apoio de diversos representantes de sindicatos internacionais.

Trabalhadores aprovam em assembleia a realização de greve
Durante o encontro, foram exibidas imagens da realização da greve dos trabalhadores. O Secretário de Educação da ICM, Tos Añonuevo compartilhou as imagens da greve em seu facebook e declarou seu apoio a luta dos trabalhadores. “Hoje, nossos membros em São Roque do Paraguaçu (Salvador Bahia Brasil) entraram em greve devido ao impasse na negociação. Trabalhadores na luta”, escreveu. Para o presidente do Sintepav Bahia, o apoio internacional é de extrema importância para o fortalecimento dos trabalhadores e a ICM tem contribuído significativamente com a organização dos sindicatos em escala global.

Fonte: Assessoria de Comunicação Sintepav Bahia

Comentários