Maragogipano é diagnosticado com meningite pneumocócica no HGE


Um homem foi diagnosticado com meningite pneumocócica no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador. Segundo informações da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), o paciente é oriundo de Maragogipe, Recôncavo baiano, e aguarda transferência para o Hospital Couto Maia. 

A meningite pneumocócica se inclui entre as formas bacterianas (mais perigosa) da doença , sendo a meningocócica a mais letal. Esta tem sintomas, como mal-estar, vômitos, febre alta, dores na cabeça e no pescoço. Em crianças, a chamada ‘moleira”, parte alta da cabeça, fica aumentada. Já as meningites virais apresentam sintomas parecidos aos da gripe. 

Mesmo com o registro do caso no HGE, a Sesab informa que houve redução no número de pessoas contaminadas por meningite na Bahia. Até 22 de março, quando foi divulgado o último boletim, cem casos de todas as formas da doença foram registrados, com quatro mortes. Ainda segunda a secretaria, no mesmo período em 2013 foram contados 257 casos, com 25 óbitos. 

Em relação à meningite pneumocócica, sete casos foram registrados neste ano, com uma morte. Ano passado, foram 11 casos e três óbitos. As outras três mortes em 2013 foram do tipo meningocócico. A meningite é caracterizada pela inflamação das meninges, membranas que revestem o encéfalo e a medula espinhal. Pacientes com a suspeita devem ser encaminhados o mais rápido possível para uma unidade de saúde. 

Com informações Bahia Notícias

Comentários