Prefeitura de Maragogipe realiza audiência pública para instalação do Sistema de Inspeção Municipal de Alimentos


Comerciantes, marisqueiros e pescadores do município de Maragogipe participaram nesta quarta-feira (23), na Casa da Cultura, da audiência pública sobre a implantação do Serviço de Inspeção Municipal (SIM) no Município. O evento é da Secretaria de Agricultura e Pesca em parceria com a Secretaria da Reparação Racial e da Mulher.

O Serviço de Inspeção Municipal (SIM) tem como função controlar a qualidade dos produtos de origem animal, como embutidos cárneos, queijo, ovos, mel e doces, monitorando e inspecionando a sanidade do rebanho, o local e a higiene da industrialização, certificando com selo de garantia todos estes produtos.

“A prefeita Vera Lúcia vai assumir o compromisso de fiscalizar os alimentos do município tirando a responsabilidade do governo do Estado. Agora os comerciantes vão ter condições de oferecer para a nossa população alimentos inspecionados e de boa qualidade”, afirma Nelson Salvador, secretário de Agricultura e Pesca do Município.

O evento teve como objetivo explicar para o público sobre a implantação do SIM na cidade e a importância do selo de fiscalização nos alimentos de origem animal que são comercializados no município. O projeto será enviado para a Câmara de Vereadores do Município aprovar.

"Com o SIM, eu vou ter licença municipal para vender meus produtos com selo de qualidade para a população maragogipana. Vai ser muito bom”, afirma o comerciante Fredson Sirineu, dono de abatedouro.

A mesa do evento foi composta pelo secretário Municipal de Agricultura e Pesca, Nelson Salvador, o secretário de Relações Institucionais, Edval Jorge, pela secretária de Planejamento, Ruth Márcia, pelo procurador do Município Thiago, do representante da Câmara Setorial da Carne da Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Reforma, Agrária, Pesca e Agricultura da Bahia (Seagri), Almir Eloy e da advogada Suzelma Araújo da Associação Baiana dos Pequenos Abatedouros de Aves (ABAPA).

Fonte: Ascom / Maragogipe

Comentários