STIMNAVAL publica jornal denunciando Carta Sindical comprada do STIM Maragogipe


São graves as acusações publicadas no jornal da STIMNAVAL, localizadas no site da Força Sindical da Bahia (Veja o jornal na íntegra AQUI)

Os sindicalistas da Industria Pesada denunciam a compra da carta sindical do STIM Maragogipe (Sindicato dos Trabalhadores da Industrias Metalúrgicas de Maragogipe com abrangência em diversas cidades do entorno do polo naval. A briga é grande e acirrada.

Segundo publicação do jornal, está acontecendo um banditismo sindical, e usa uma matéria veiculada pela ISTO É, publicada em janeiro de 2014, para fundamentar suas argumentações.

No jornal, a presidente do STIMNAVAL, Nair Goulart denuncia fortemente a compra da carta sindical, leia o trecho retirado do jornal:
"depois de deixar enormes prejuízos aos trabalhadores de outras cidades do Recôncavo, a CTB agora aparece em São Roque do Paraguaçu e usa filhos maragojipanos como laranjas para fundar um sindicato com CARTA SINDICAL COMPRADA. Onde estava esse sindicato que ninguém nunca viu? Por que só agora aparecem para inventar uma fantasiosa defesa dos interesses dos trabalhadores? Abram os olhos! Não sejam vítimas como outros companheiros de empresas de cidades vizinhas. O Stim Maragojipe, da CTB, é um sindicato de irresponsáveis, come e dorme e sem compromisso com os trabalhadores."
Graves são as acusações e este blog dá o direito de resposta aos membros da STIM Maragogipe. 

Comentários