Senado convoca presidentes da Petrobras, da Sete Brasil e do BNDES


A Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) aprovou, na manhã desta quarta-feira, dia 25 de março, a realização de audiências públicas com os ministros de Minas e Energia, Eduardo Braga; dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues; e da Secretaria de Aviação Civil, Eliseu Padilha. Os representantes do Executivo vão esclarecer os planos e prioridades de seus respectivos setores para o ano de 2015. O primeiro a abrir a série de audiências será Eduardo Braga, com reunião já agendada para o dia 8 de abril.

Também serão ouvidos pela comissão os presidentes da Petrobras, da Sete Brasil e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Petrobras e BNDES
O novo presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, também vai se reunir com a Comissão de Infraestrutura. Com a companhia mergulhada em escândalos de corrupção, os senadores querem saber como ele pretende tirá-la deste momento difícil e fazê-la voltar a crescer.

Foi aprovado ainda requerimento para audiência com o presidente da empresa Sete Brasil, Luiz Eduardo Guimarães Carneiro. Segundo o senador Ricardo Ferraço, a Sete é uma grande participante do polo naval brasileiro e não vem honrando compromissos.

Ferraço afirmou que os estaleiros Atlântico Sul, Enseada do Paraguaçu, Rio Grande, Keppel Fels e Jurong estão sem receber da Sete Brasil desde novembro e a dívida já soma mais de R$ 1,5 bilhão. Esta semana, a Standard & Poor’s rebaixou os ratings da Sete Brasil de B- para SD, calote seletivo, com a justificativa de que a empresa teria optado por não pagar dívidas com o banco Standard Chartered, no valor de US$ 250 milhões.

— A Sete Brasil demandou bilhões de dólares em produtos e serviços a estaleiros em todo o Brasil. E os contratados não estão recebendo pelos serviços prestados — afirmou o parlamentar, que lembrou o fato de a Sete ser parceira da Petrobras na exploração do pré-sal e de também estar sob investigação da operação Lava Jato.

Completará a lista de convidados para audiências da CI o presidente do BNDES, Luciano Coutinho. A pedido do senador Lasier Martins (PDT-RS), ele deve esclarecer aos parlamentares os critérios para a liberação dos empréstimos concedidos pelo banco à Sete Brasil.

"Em ambiente de escassez de recursos, os critérios tornam-se ainda mais relevantes. E não temos informações a respeito dos resultados obtidos com essa política de concessão agressiva de financiamentos", argumentou o parlamentar ao justificar seu pedido.

Os requerimentos aprovados pela CI nesta quarta-feira:

Veja mais no site do SENADO.

Comentários