Encerrada votação da eleição do Conselho Tutelar em Maragogipe


Domingo agitado em Maragogipe. Centenas de pessoas mobilizaram-se até a Casa da Cultura para votar e escolher os cinco conselheiros tutelares do município. A parte da manhã contou com a participação ativa de eleitores da zona rural, já na período vespertino, a fila foi engrossada por eleitores da cidade e cresceu tanto que até o horário de término da votação foi alongado, sendo encerrado por volta das 18 horas.



Daqui a pouco terá início a apuração dos resultados. Segundo João Bartolomeu, responsável pelo CDMCA, após várias reuniões, ficou decidido que a apuração ocorrerá da seguinte forma: Voto a voto será computado e anunciado para os candidatos - únicos que poderão acompanhar a apuração de perto. Através de um telão a população poderá acompanhar o resultado parcial a cada trinta minutos.


Falta de organização:
Muitas reclamações ocorreram ao longo do dia. A grande concentração de pessoas em um só local, atrapalhava o andamento da votação. A fila, constantemente era furada. Quando entravam na Casa da Cultura, os eleitores deveriam procurar o mesário que estava responsável pela pasta onde constava os nomes de todos os eleitores do município, em ordem alfabética, pegar a cédula e seguir até o auditório Osvaldo Sá para votar. Todavia, faltou orientações ao eleitores que entravam na Casa da Cultura que ficavam perdidos sem saber para onde ir. A confusão foi tanta que até a promotora virou mesária, transferindo as pessoas em que o nome iniciava com a letra A para votar no Fórum Raul Chaves.




Comentários