"Tô com medo, é tiro!" fala um menino de 1 ano aos pais em Maragogipe


Por Carlos Gomes

"Tô com medo, é tiro!", fala chorosa de um menino de um ano aos pais, todos deitados no chão se protegendo dentro de casa dos tiros de fuzil, doze, 9mm e outros calibres, tiroteio esse que durou cerca de duas horas e meia.

Na foto uma campanha que mobilizei junto a alguns comprometidos cidadãos e cidadãs, isso deve ter um ano ou mais, de lá pra cá nada mudou ou pior, piorou! Todos os políticos de Maragogipe sem exceção, todos com discurso CAÔ, nenhum se mobilizou para mudar ou amenizar essa situação, pode-se perceber o completo abandono dos bairros periféricos, da falta de políticas sociais, culturais e urbanísticas nesses bairros onde a criminalidade avança, ninguém tá nem aí pra melhorar a qualidade de vida desse povo e dessas famílias que se vêem obrigadas a deitarem no chão pra tentar se protegerem e proteger o seu filho que no primeiro ano de vida já sabe distinguir o que é um tiro de arma de fogo.

Vem na minha porta, rebanho de politiqueiro pedir voto, inclusive a atual Vera da Saúde, vem com seu discurso CAÔ.

O que vocês querem é seus filhos e familiares nas melhores escolas PARTICULARES, o que vocês querem é usurpar do suor do povo maragogipano e poderem morar nos condomínios luxuosos da capital, enquanto que nós, aqui em Maragogipe vivemos na sombra da violência!

Comentários