Maragogipe: Em assembleia, servidores dão prazo até 10 de junho para a gestão apresentar proposta


Hoje, dia 16 de maio, foi realizada uma assembleia com os funcionários da Prefeitura de Maragogipe e representantes da atual gestão que em sua apresentação relataram uma possível queda da arrecadação do município. 

Os servidores sugeriram que o município reduza em pelo menos 30% as contratações, nomeações e gratificações para que haja a possibilidade de um reajuste mínimo para o servidor.


Após apresentação, a Assembleia deliberou que, até o dia 10 de junho, será apresentada uma proposta de reajuste salarial, o pagamento do piso nacional do magistério, reposição salarial da greve de 2014, (dos servidores que ainda não receberam), rever as perdas com o desconto indevido do INSS do terço de férias, liberação da mudança de nível, licença prêmio, bem como entrega dos contra-cheques e ficha financeira, para fins do INSS.

Os servidores entendem que diante da quebra de confiança que se instalou nos últimos 3 anos com a atual gestão fica difícil a retomada da mesma em período pré-eleição, no entanto a assembleia não desistiu da luta, apenas deu um prazo para que se cumpra os direitos negligenciados nos últimos 3 anos, bem como o reajuste. 

Amanhã, os servidores voltaram a trabalhar, mas não deixarão de reivindicar e nesse período com mais intensidade. #servidoresnaluta.

Fonte: Enádio Careca

Comentários