Trabalho de monitoramento avalia qualidade da água do estuário do distrito do Guaí



Mais uma ação de monitoramento da campanha “Marisqueira com orgulho, quilombola para sempre”, foi realizada ontem, 23, em Capanema e Baixão do Guaí. A equipe do Professor Moacyr Serafim Junior, da UFRB, realizou coletas de água para análises físico químicas e microbiológicas, além de ter promovido com as monitoras participantes do projeto, capacitação para desembarque pesqueiro, que visa obter dados biométricos dos moluscos pescados.

O trabalho de monitoramento busca avaliar constantemente, a qualidade da água do estuário, bem como a qualidade das ostras, para que as mesmas estejam dentro dos parâmetros de consumo.

Essa iniciativa faz parte do Programa Pesca para Sempre da Rare Brasil, em parceria com a Fundação Vovó do Mangue, e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), e tem o apoio da UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Secretaria de Políticas para as Mulheres da Bahia, e Bahia Pesca S/A .

Fonte: Fundação Vovó do Mangue

Comentários